Horizontal List

PM Rui Araujo
Investir no futuro de Timor-Leste
FUTURO
Timor-Leste acolheu a mais recente reunião trilateral da plataforma para o Desenvolvimento Económico Sub-Regional Integrado entre Timor-Leste, Indonésia e Austrália

Ai-han Timor Nian
Ramos-Horta
"Tantangan Timor Leste Makin Berat"
ECONOMIA
"..fo-hanoin ba ukun nain sira nebe tinan tinan truka hela deit ministrus, atu hare ba povu nia moris nebe "kuaze 50%" povu sei moris iha linha pobreza nia laran..."
Australia-Timor Leste
Notre Dame students experience the world and help those in need in Timor-Leste
Empresários - Timor Telecom
Empresários timorenses e fundo das Fiji na corrida pela Timor Telecom
Timor-Leste - BAII
Timor-Leste inicia processo de adesão ao Banco Asiático de Investimento em Infraestruturas
Timor-Leste - Maluku
Maluku kaji kerja sama dengan Timor Leste

quarta-feira, 17 de junho de 2009

OGE 2010: 637 milhões USD

Segundo o jornal Diário de hoje o Primeiro-Ministro terá dito que o valor total do OGE para 2010 é de 637 milhões USD. Este valor deve ser comparado com os 681 milhões do Orçamento deste ano e com os 602 de 2008 (dos quais foram executados "por caixa" apenas 480 milhões).Segundo a notícia e na sequência do que já constava de informações anteriormente divulgadas oficialmente, os sectores prioritários para a realização dos investimentos "de desenvolvimento" não estão ainda completamente definidos --- incluindo "quem" "fica" com o "quê".
Este valor para o OGE2010 confirma a tendência já salientada anteriormente em comunicado oficial de que ele seria inferior ao de 2009 (-6,5% que o deste ano). Os cortes, a acreditar no que já tinha sido divulgado, ter-se-ão registado principalmente nas despesas em "bens e serviços" e em "capital menor".
Note-se, porém, que as percentagens de "cortes" divulgadas anteriormente (menos 40% no "capital menor" e 30% nos "bens e serviço") representariam só por si e no conjunto uma diminuição de cerca de 75 milhões de USD em relação ao orçamento em vigor.
Como o corte de 6,5% acima referido corresponde a cerca de 45 milhões de USD isto pode significar uma de duas coisas (ou uma qualquer combinação de ambas):
a) ou os "cortes" efectuados naquelas rubricas foram menores do que definido inicialmente (por "resistência" dos serviços a procederem às reduções anunciadas eventualmente "ameaçando" com perda de eficiência dos serviços? Por se ter concluído que as receitas estimadas permitirão um 'aperto' menor que o inicialmente previsto?); e/ou
b) parte das "poupanças" efectuadas com os "cortes" anunciados e efectivamente realizados vão ser canalizadas para aumentar outras rubricas, principalmente as de "capital de desenvolvimento" (o mais provável?).